Quinto dia da Novena ao Espírito Santo

 quinto dia

Oração Inicial

 

Dir.: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Todos: Amém.

Dir.: Queridos irmãos e irmãs, que a nossa novena de hoje nos ajude a abrir o coração e a mente para compreender e acolher a Palavra de Deus.

Todos: Vinde Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor.

Dir.: Espírito Divino, de misericórdia infinita, peço-vos abrir o caminho da santidade, das graças divinas, da harmonia, do amor e da adoração à Santissima Trindade, da bem-aventurança para nós aqui reunidos, para nossa família, para todos aqueles que te invocam como também para todos aqueles que desconhecem e não creem na sua existência divina.

Todos: Vossa luz e graça nos façam alcançar tudo o que por bondade e misericórdia divina nos dais de presente para que o nosso amor aumente e se aperfeiçoe sempre mais, para maior amor e glorificação à SANTÍSSIMA TRINDADE por meio do Imaculado Coração da Virgem Maria.

Dir.: Dá-nos dos vossos dons e frutos. Permiti que sejamos canal da divina Caridade, templos da presença divina e mensageiros da harmonia e do amor.

Todos: Amém.

 

Dir.: Deus, vinde em nosso auxílio.

Todos: Senhor, apressai-vos em socorrer-nos.

Dir.: Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo.

Todos: Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

 

Cântico:

Senhor, vem dar-nos a DIVINA CIÊNCIA, 

que como o Eterno faz ver sem véus:

"Tu vês por fora, Deus vê a essência,

pensas que é pão, mas é nosso Deus".

Dá-nos, Senhor, esse dom, essa luz,

e nós veremos que o Pão é Jesus!

Dir.: Vinde, Espírito de CIÊNCIA, sede o mestre de nossas almas e ajudai-nos a praticar vossos santos ensinamentos.

L1: Vinde, Espírito Santo, enchei os corações dos vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor.

Todos: Vinde renovai a face da terra.

(repete-se por 7 vezes)

 

Todos: Ó Maria, que por obra do Espírito Santo concebestes o Salvador, rogai por nós.

 

Reflexão:

Aquele rapaz, bem intencionado, e dono de uma boa fortuna, foi ter com o Mestre e lhe perguntou: "Que devo fazer para ser perfeito?" - E foi com tristeza que ele ouviu esta resposta: "Vai, vende tudo o que tens; dá o dinheiro aos pobres, depois, vem e segue-me!" (Mt 19,21-22). Nessa palavra do Mestre aparece o que nós designamos como sabedoria dos santos, ou dom da Ciência, que Deus nos comunica pelo Espírito Santificador.

Se o dom da Sabedoria nos leva a ver, a considerar tudo sob o prisma da eternidade, isto é, com a sabedoria de Deus, o dom da Ciência nos faz ver Deus em tudo o que existe, levando-nos, através das coisas criadas, ao conhecimento e ao amor d'Aquele que as criou. Assim, fazemos de tudo um degrau a mais, para nos elevarmos, em busca daquele Amor infinito que desejamos conhecer, para que o possamos amar sempre com maior perfeição.

Ao criar o mundo, Deus o entregou ao homem, destinando assim todas as coisas para o bem das suas criaturas. Tudo devia servir para o homem conhecer e admirar o Amor que se manifestou em toda a obra da criação.

Acontence, que pela falta original, o homem desprezou esse plano divino. Começou a amar o mundo, apegando-se a ele, mais do que ao seu Criador. Em vez de usar das coisas criadas para se aproximar mais de Deus, o homem usa de tudo, para d'Ele se afastar, pois seu egoísmo o leva ao esquecimento d'Aquele que tudo lhe deu. No coração do homem, as coisas criadas tomaram o lugar que devia ser exclusivamente de Deus.

Encontrarmos-nos com Deus a todo momento, e reconhecê-lo em tudo o que fazemos em nossa vida - é a esse ponto que devemos chegar pelo dom da Ciência que o Espírito nos comunica. Essa convivência com Deus, presente em nossos pensamentos, ocupações, e até em nossos sacrifícios de cada dia, transformará de tal modo a nossa vida, que nós nos iremos sentir num mundo diferente, mais iluminado, mais seguro e tranquilo. Na certeza de que Deus está conosco, desprendidos de tudo o que o mundo nos poderia oferecer, poderemos viver, como os santos, antecipando neste mundo a nossa eternidade.

Os santos sabiam que o caminho para a vida eterna é estreito, cheio de renúncias e sacrifícios. O Espírito, porém, lhes havia dado aquela Ciência superior, com o qual soberam encontrar-se com o Pai em todos os sofrimentos. E, com Deus, eles tudo puderam vencer. Sejam eles nossos modelos e mestres, ensinando-nos a viver acima deste mundo, enquanto usamos de tudo como meio de nos aproximar sempre mais de Deus!

Peçamos agora ao Espírito Santo esse dom da Ciência, para que nos faça ver a grandeza de Deus em toda a obra da natureza, bem como a bondade do Pai em todas as situações de nossa vida e para que não nos deixemos escravizar pelo apego aos bens deste mundo.

 

 Todos: Pai nosso...

Dir. Senhor, que o vosso Espírito, presente em nós, ponha em nossa vida esse dom da Ciência, para que, através das coisas criadas, cheguemos a conhecer sempre mais a vossa glória, e a amar, com todas as forças, o vosso amor de Pai.

Todos: Amém.

 

Dir. : Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo!

Todos: Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

 

Sugestão para praticar: "Ler um trecho pequeno da Bíblia, a sós, em casa ou na Igreja, e parar um pouco para escutar Deus".

SIGA-NOS NO FACEBOOK