OS VERDADEIROS TESOUROS DE UM CRISTÃO

 A razão de ser do cristão 

papa-francisco- -tia-AdelitaO Papa Francisco celebrou a Santa Missa na manhã desta sexta-feira, 21 de junho/2013, na Casa Santa Marta e meditou sobre a razão de ser de um cristão: a busca do único tesouro, que pode ser levado consigo. Este tesouro, segundo ele, encontra-se na passagem do Evangelho de São Mateus: “Onde está o tesouro, aí está o teu coração”.

O Santo Padre recordou, porém, que há muitos tesouros perigosos e sedutores, que podem ser acumulados durante a vida e explicou onde está o verdadeiro tesouro.

“Aquele tesouro que nós damos aos outros e que carregamos é o próprio Jesus Cristo. Podem ser também outros tesouros maravilhosos, como o amor, a caridade, a paciência, a bondade, a ternura. Eles devem ser carregados em nosso coração e devem ser compartilhados com os outros”.

O Papa foi mais além e explicou que o tesouro que realmente vale aos olhos de Deus é aquele que, já desde aqui da terra, é acumulado no Céu. No Evangelho, disse, Jesus une o tesouro ao coração, criando uma relação entre ambos os termos; o Senhor quis que o coração humano fosse inquieto.

“O Senhor o fez inquieto para que fôssemos à sua busca, ao seu encontro, para crescermos. Será que nosso coração está cansado? Será que está inquieto à busca de coisas materiais e não aquelas do Senhor? Será que temos um coração de pedra, que causa ódio, egoísmos, violências e guerras?

O Santo Padre terminou sua meditação pedindo a intercessão de São Luís Gonzaga, que a Igreja celebra hoje, para que Deus conceda a todos a graça de um coração novo, um coração de carne, um coração humano.

Fonte: http://papa.cancaonova.com

 

SIGA-NOS NO FACEBOOK